Projeto LEMA ampliando ações: da organização do laboratório à contribuição na formação discente e docente

Celiana Turski Silva, Núbia Lúcia Cardoso Guimarães

Resumo


Um laboratório de educação matemática dentro de uma instituição de ensino comprometida com a formação de professores cumpre uma importante função na construção da identidade docente. Sabendo dessa importância, o projeto de ensino LEMA - Laboratório de Educação Matemática foi criado em 2016 com o objetivo de implantar o espaço de mesmo nome. Apesar do projeto de ensino LEMA ter surgido de uma demanda do curso de Licenciatura em Matemática, a sua missão vai muito além disso, visando favorecer o ensino e aprendizagem de matemática a estudantes do ensino básico. O projeto pretende dar visibilidade e permitir o empréstimo de materiais didáticos do acervo do LEMA, organizar esse espaço de modo a favorecer as práticas de ensino e aprendizagem e possibilitar o seu uso também para desenvolvimento de atividades acadêmicas extraclasse. Essas ações só se tornaram possíveis após a aquisição do espaço e organização do acervo. Inicialmente, os materiais foram devidamente armazenados em uma sala já existente na instituição. Em seguida, todo acervo foi registrado no software Openbiblio para permitir o controle dos empréstimos de materiais pelos usuários do LEMA. Esse registro foi realizado de acordo com códigos criados, como: MPA (Material Pedagógico Adquirido), MPE (Material Pedagógico Elaborado), REV (Revista), CDs e LVR (Livros). Definidos os critérios de catalogação, foram confeccionadas etiquetas com código, número do material, exemplar e volume, este último apenas para os livros. Para facilitar a busca de materiais, foram disponibilizados no site do LEMA, fotos de todos os materiais com um link que remete ao Openbiblio. Através desse link o usuário tem acesso a informações detalhadas do material, como: descrição, quantidade e disponibilidade para empréstimo. Para realizar os empréstimos foram cadastrados os discentes e os docentes do Curso de Licenciatura em Matemática no software Openbiblio. Como resultados, podemos destacar as constantes consultas e empréstimos de materiais do acervo e o grande acesso ao espaço para desenvolvimento de diversas atividades como planejamento de aulas e outros trabalhos acadêmicos, monitorias, grupos de estudos, reuniões com professores de outras redes de ensino, oficinas, minicursos, orientação de estudantes, entre outras atividades ligadas a projetos de ensino, pesquisa e extensão. Este projeto tem dado suporte a diversas ações que contribuem com o aperfeiçoamento do saber e do fazer docente de estudantes do curso de Licenciatura em Matemática. Também vem ampliando ações a fim de proporcionar uma formação mais completa a alunos do ensino básico através de práticas de ensino e aprendizagem que dão ênfase à construção do conhecimento por meio da experimentação.


Palavras-chave


Laboratório de educação matemática; Formação discente e docente; Construção do conhecimento

Referências


LORENZATO, S. Para aprender matemática. Campinas. Autores Associados. 3 ed. 2010.

LORENZATO, Sergio. O Laboratório de Ensino de Matemática na Formação de Professores. Campinas, SP: Autores Associados, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ENPEX - Salão de Ensino, Pesquisa e Extensão do IFRS Campus Canoas - ISSN 2359-3202

IFRS campus Canoas - Rua Dra. Maria Zélia Carneiro de Figueiredo, 870-A | Bairro Igara III | Canoas/RS.

Conheça nossos cursos técnicos e graduação: http://ifrs.edu.br/canoas | E-mail: enpex@canoas.ifrs.edu.br